Home Séries Game Of Thrones Game of Thrones 7×01 – Dragonstone
Game of Thrones 7×01 – Dragonstone

Game of Thrones 7×01 – Dragonstone

0
0

Game of Thrones 7×01 – Dragonstone

Acaba de estrear a sétima temporada de Game of Thrones na HBO e o mundo inteiro tem falado disso nas últimas horas. A estreia foi muito esperada, como acontece cada vez mais a cada nova temporada da superprodução. Agora que acabamos de assistir ao primeiro episódio, vamos conversar um pouquinho sobre o que rolou? Vamooos!

Bom, o episódio já abre com um fanservice incrível que é a continuação da vingança de Arya contra a casa Frey: agora é hora de matar todos os soldados que ajudaram Walder a assassinar a família Stark no Casamento Vermelho. A pequena Arya realmente vem trilhando um caminho consistente de vingança, e não podemos dizer que não estamos adorando, não é mesmo? Mais tarde, em seu caminho para Porto Real, ela se depara com um grupo de soldados acampando na floresta e somos surpreendidos com a já prevista aparição de Ed Sheeran na telinha! Cantando, como não poderia deixar de ser, sua presença trouxe uma graça a mais a uma cena que poderia ser não muito mais que dispensável – mas divertida, sem dúvida! Espera-se que essa tenha sido a única aparição do cantor na temporada.

Mais ao sul, em Porto Real, vemos Cersei mandando pintar uma sala do mapa novinha em folha. Será necessário muita estratégia mesmo, para esse momento que claramente será de guerra para o Lannisters. Com tantos inimigos procurando vingança ou a tomada do trono, os Lannisters parecem até mesmo frágeis nesse primeiro momento da temporada. Mas achei interessante mostrar esse primeiro momento de incerteza, apesar da constante auto-confiança de Cersei.

DENNJW

A perda do filho não parece ter abalado suas ambições, e uma das possibilidades de aliança que surgem – foi inclusive confirmado que era ele na cena da sala do trono do trailer da temporada – é Euron Greyjoy, o tio traidor de Yara e Theon Greyjoy. Senti falta dos irmãos na estreia, inclusive, mas tudo indica que terão algum destaque na temporada – lembram do beijo de Yara e Elaria no trailer?!

Cersei se faz de difícil para Euron, que propõe um casamento em troca da Frota de Ferro, mas este a promete um “presente impagável” para conquistar seu coração. O que será que vai ser esse presente? A cabeça de algum inimigo? Algum refém precioso? Esse tipo de coisa básica que toda mulher quer, né gente?

Uma grande surpresa para mim foi a descoberta de Sam sobre a mina de vidro de dragão escondida em Pedra do Dragão. Como Jon havia expressado o interesse em juntar o máximo que pudesse do material para construir armas eficazes contra os Caminhantes Brancos, já tivemos uma dica aí de que Jon pode em breve se direcionar a Pedra do Dragão. Será que esta será a causa de um dos encontros mais esperados da série, Jon e Daenerys?

Inclusive, falando das cenas de Sam, pudemos constatar que Sor Jorah foi procurar ajuda para se curar na Cidadela. Sendo lá o centro do conhecimento de Westeros, eu diria que foi uma escolha sábia. Porém, podemos ver que seu braço está completamente tomado pelo escamagris, e não está com cara de cura.

Uma cena que foi incrível foi a visão de Bran dos Caminhantes Brancos marchando. Ficou bem clara a intenção de mostrar que o inverno chegava com eles. Congelante. E outra: GIGANTES MORTOS-VIVOS. FERROU. FERROU MUITO, MANO. Falando em Bran, foram liberadas imagens dele em uma bela cadeira de rodas em um jardim que muito pode ser Winterfell. A expectativa de mais um irmão se juntar à família Stark aquece o coração da gente. Bran já cruzou os portões da muralha, então não deve demorar para que isso aconteça, se ele estiver mesmo indo para lá.

ME

Falando nos irmãos Stark, um pouco de atrito entre Sansa e Jon me preocupa um pouco. Mindinho tem mandado uns papos muito ardilosos – como não poderia deixar de ser – para Sansa em que claramente tenta colocá-la contra Jon. Esperamos que ela já não seja mais essa garotinha que se deixaria manipular por essa cobra. Vamos aguardar.

No mais, eles se encontram um pouco divididos entre se preocupar com a “Grande Guerra” – contra os Outros – ao norte e a ameaça de Cersei, ao sul. Compreensível. Inclusive como toda essa guerra política em relação ao Trono de Ferro vai se misturar com a sinistra guerra contra os mortos-vivos é uma grande curiosidade que temos em relação a essa temporada.

Agora vamos para um outro núcleo, o da Irmandade Sem Bandeiras – com Beric Dondarion, aquele cara que vive morrendo e sendo ressuscitado por seu amigo sacerdote vermelho, Thoros de Myr – que no momento é o mesmo núcleo de Sandor Clegane, também conhecido como o Cão de Caça. Nessas cenas, há um acontecimento interessante, e sutil. Fica claro que o Cão conhecia de fato os mortos que encontraram naquela casinha abandonada, porém não é todo mundo que vai se lembrar de quem eles eram.

Eles eram uma família, de pai e filha, que acolheu o Cão e Arya durante as suas viagens. Porém o Cão, que estava em sua fase mais cruel, os recompensou espancando o pai e deixando-o para morrer e roubando os dois. O resultado ele acabou descobrindo: o pai matou a filha para evitar que morressem de fome, sofrendo, e o cadáver de ambos ficou ali, apodrecendo na casinha. O Cão parece cheio de remorso, e enterra os cadáveres no meio da noite. O remorso é pouco perto do que fez, mas muito perto do que Sandor está acostumado a sentir, não é mesmo? É um personagem que realmente vem lentamente mudando aos nossos olhos.

Na mesma noite, Thoros de Myr, o sacerdote da fé do Senhor da Luz, chama o Cão para ver algo nas chamas, e ele tem uma visão, chocado. Ele vê os mortos marchando para o sul onde a Muralha encontra o mar. Aí se confirma a previsão de Jon: o exército do Rei da Noite vai cruzar a muralha em Atalaialeste do Mar. Isto é um indicador de algo que já esperamos, mas que não queremos nem um pouco que aconteça: a morte de Thormund. Jon envia o líder dos Selvagens com o cabelo mais fabuloso dos Sete Reinos para guardar a muralha nesse castelo, e só podemos rezar aos Deuses, antigos e novos, que poupem nosso querido do final favorito de George R. R. Martin.

O episódio termina com um acontecimento que deve ter sido o mais esperado de toda a série: a chegada de Daenerys em Westeros! A Mãe de Dragões aporta em Pedra do Dragão, como já sabíamos por conta do trailer, e se emociona ao retornar para a casa de sua família. Fiquei com uma dúvida: Pedra do Dragão ficou abandonada depois que Stannis saiu de lá, gente? Como pode? Estou confusa em relação a isso, mas vou pesquisar durante a semana. A khaleesi dos nossos corações chega até a famosa Sala do Mapa deste castelo, com Westeros pintada na grande mesa de pedra atrás do trono, em mais uma das MUITAS cenas do trailer contidas neste episódio. Ela vira para Tyrion e pergunta: “devemos começar?” E eu te respondo, Danny: COM CERTEZA!

Mari Fiorin Leonina, tem pelo menos uma grande crush em cada seriado que assiste. Meio psicopata a respeito do uso da crase e em eterno luto pelo trema. Já quis ser cirurgiã, detenta, caça vampiros, milionária vingativa, cair de avião em uma ilha anormal e fazer parte de uma família de classe média-alta cheia de tretas a respeito dos antigos casos do falecido patriarca em Passadena, Califórnia.

LEAVE YOUR COMMENT

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *