“Irreconcilable Differences” (6×09), dirigido por Laura Belsey e escrito por Beth Schwartz e Sarah Tarkoff, nos levou a midseason finale de Arrow  e que entrega um episódio mega empolgante com diversas surpresas acusações, traições e sequestros, o que nos faz ficar com altas expectativas para o ano que vem, quando a série retorna. Depois que a Felicity disse um “não, estou pronta para casar com você” surgiu a teoria de que o casamento de Olicity seria adiado para uma season finale.

Porém os produtores de Arrow gostam de surpreender os fãs, e deixaram que a Felicity fizesse um lindo e repentino pedido de casamento ao Oliver, na última parte do Crossover Crisis on Earth – X, um tanto por influência do casamento espontâneo da Íris com o Barry. O amor está no ar na vida desses heróis! E eles merecem depois de tantas lutas e sacrifícios, terem a chance de ser felizes com quem amam o que vale para os dois casais que tiveram o casamento feito pelo John Diggle.

Resultado de imagem para flash 4x08

Parece que o casal precisava apenas de um ataque nazista da Terra-X para colocar o relacionamento nos eixos. Depois dos dois ficarem cara a cara com a morte, isso foi mais do que o  suficiente para que a Felicity e o Oliver percebessem o quanto de tempo eles perderam separados. O episódio começa já na festa de casamento do Oliver e da Felicity, onde toda a equipe Green Arrow marcou presença e tiveram momentos nostálgicos relembrando seus relacionamentos antigos por parte do Curtis que comentou sobre sua festa de casamento com o Paul o que desencadeou sentimentos que ele havia reprimido sobre se sentir sozinho, e culpar sua nova ocupação de vigilante como o “Senhor Incrível” por ter afastado Paul de sua vida.

Inclusive, depois de uns bons drinques a Dinah revelou ter rompido diversos noivados, que não acredita nessa história de casamento nem de passar toda sua vida com apenas uma pessoa e, como já tinham iniciado esse papo de relacionamentos, Rene aconselha Curtis a procurar outro amor, além de ajudá-lo depois que ele deu um “piti” por ter bebido demais.

O restante da festa foi bem tranquilo, mas faltou um momento em família mais explorado e completo mostrando o lado do William com sua madrasta e como esse casamento repentino vai afetar a vida dele, o que foi um dos motivos pelo qual a Felicity disse não em resposta ao pedido anterior do Oliver. Na minha opinião, parece que apressaram as coisas, poderiam ter inserido cenas da Felicity se arrumando e conversando com a mãe dela sobre a sua mudança de opinião repentina, além do lado emocional de sua mãe estar presente nesse momento tão especial em sua vida, já que a relação das duas nem sempre foi uma das melhores.

E inserido cenas do Oliver conversando e ouvindo a opinião do William sobre o seu casamento com a Felicity e o que ele acha de ter ela tê-la em sua vida, os dois se arrumando e tendo um momento fofo de pai e filho ensinando a colocar uma gravata, coisas desse tipo. Além de ter a Thea de volta o que faz com que eles sejam uma família completa.Pelo visto os roteiristas resolveram explorar o lado emocional de quatro personagens que nem sempre ganham o devido e merecido destaque na série e são eles Dinah, Curtis, Rene e Black Siren, isso mesmo, até ela teve um momento que nos faz repensar a opinião que temos sobre a vilã, e vermos o lado mais humano dela.

A noite foi perfeita, entretanto todo conto de fadas tem que ter um problema para atrapalhar em alguns momentos, e com Olicity não foi diferente, bastou um instante de felicidade para que o episódio já trouxesse o seu ponto chave que é tão intrigante que pode comprometer toda a equipe do Green Arrow. Aparentemente, a testemunha misteriosa que a Agente Samanda Watson estava escondendo vai depor contra o Oliver alegando que ele é o Green Arrow, porém isso nem é a pior parte, essa tal testemunha é alguém do Team Arrow.

O que levou a um momento super tenso entre os personagens que descobriram uma certa falta de confiança por parte do Oliver, que pediu para a Felicity espionar a Dinah, Curtis e Rene, pelo GPS pois eles seriam os únicos suspeitos. Afinal, a Felicity é a sua esposa e Diggle, além de ser seu melhor amigo, é o novo Green Arrow. Enquanto tentam descobrir quem é o traidor do grupo, eles fazem outra descoberta a Dinah tem se encontrado com o seu ex-namorado e vigilante Vince, o que levanta mais suspeitas de que ela seja a traidora por causa desse segredo.

O mais surpreendente é que a Dinah não é a traidora do grupo, e sim uma pessoa que tem algo em comum com o Oliver, o que fez com que ele perdoasse essa pessoa temporariamente, mas infelizmente essa pessoa tem o costume de agir por impulso o que levou a outra discussão e ao desmembramento do Team Arrow o que deixou o time com um baixo número de vigilantes o que vai afetar de forma significativa o futuro da série.

Resultado de imagem para arrow 6x09

A ação do episódio ficou por conta de Cayden James que ataca novamente, dessa vez o seu alvo foi um amplificador de nanoalumínio que está nos cofres da ARGUS  um lugar quase impossível de se invadir por ter uma segurança de ponta, e para ter uma certa motivação a Black Siren sequestrou o Detetive Lance como moeda de troca, o que rendeu um momento bem emocionante entre os dois no qual ele pergunta a ela sobre o seu pai ser parecido com ele, e a resposta foi surpreendente o que fez com que ocorresse uma certa ligação emocional entre os dois. O que certamente vai afetar o desempenho dela como vilã daqui para frente, será que o Lance conseguiu amolecer o coração da Black Siren?

E se antes não tínhamos ideia de quem seria o vilão desta temporada, bom agora já temos a resposta. Enquanto os heróis brigam e se distanciam uns dos outros, os vilões se juntam com um inimigo em comum: o Team Arrow. O time de Vilões conta com o Cayden James, Black Siren, Anatoly, Vince e Dragon. E como o plano deles de afastar todos de Oliver foi bem sucedido, nada vai impedi-los de dominar Star City.

Resultado de imagem para arrow 6x09

É com esse final  chocante que Arrow se despede de 2017, e volta ano que vem com novas brigas e, quem sabe, reconciliações.

Não perca a resenha do próximo episódio “Divide” (6×10):